Alimentos que Aumentam a Temperatura Corporal

termogenicos São chamados termogênicos, os alimentos que podem aumentar a temperatura corporal, e que precisam consumir mais calorias para serem digeridos.  O processo de aquecer o corpo por meio de alimentos é conhecido como termogênese e acontece com qualquer tipo de alimento, já que o corpo começa a produzir calor devido ao processo da digestão. Recentemente, os termogênicos começaram a ser tratados como aliados em dietas de emagrecimento, tanto pela aceleração do metabolismo quanto pela capacidade de controlar a quantidade de glicose no organismo, o que ajuda a queimar gordura. Você escolhe se quer ficar quentinho ou perder peso. Conheça quais os alimentos que podem fazer isso. Café É uma das principais bebidas conhecidas como termogênica, pois é estimulante do metabolismo. Deve ser consumida com moderação Canela A canela faz o corpo produzir menos insulina após as refeições e prolonga a sensação de saciedade. Carboidratos O corpo produz mais calor após uma refeição, isso porque as calorias são queimadas imediatamente em vez de serem estocadas pelo organismo. Chá de hibisco Aumenta a temperatura corporal durante a digestão e, consequentemente, aumenta o metabolismo. Chá verde A bebida pode aumentar em até 40% a queima calórica e ainda ajuda a queimar gordura, devido à combinação de cafeína e flavonóides. Pessoas com dificuldades para domir devem evitar a ingestão depois das 17h. Curry Tempero que contém capsaicina, ingrediente capaz  estimular o processo de produção de calor durante a digestão de alimentos pelo corpo. Gengibre Essa raiz pode aumentar o gasto calórico em mais de 10%.

Advertisements

A Importância do Sono

homem durmindo

A importancia do sono

Dormir bem é essencial não apenas para ficar acordado no dia seguinte, mas, para manter-se saudável, melhorar a qualidade de vida e até aumentar a longevidade. A cada dia, as pessoas estão mais estressadas, atarefadas com estudos e trabalho, e ainda se alimentando inadequadamente. E tudo isso interfere na qualidade do sono, pois não basta deitar em uma cama e dormir por oito horas, é preciso ter um sono com qualidade e verdadeiramente restaurador.

O sono com qualidade está relacionado com a manutenção e conservação de energia, amadurecimento do sistema nervoso central, fortalecimento do sistema imunológico, consolidação da memória e aprendizado, secreção e liberação de hormônios (hormônio do crescimento, insulina, entre outros), função termorreguladora, e tudo isso sem falar no poder de relaxamento e descanso da musculatura.

Fique a dica!

Estresse no Ambiente Laboral

Mordendo o Netbook

O estresse no ambiente de trabalho está associado às novas tendências tecnológicas, responsáveis pelo estado de constante prontidão em que os empregados estão sujeitos em suas jornadas laborais.

Conforme destacam especialistas, as pessoas vivem atualmente em ritmo de intensidade incompatível com o bem-estar necessário, o que acaba contribuindo para o aparecimento de doenças em conseqüência do estresse.

É certo que pelo fato dos trabalhadores atuarem em estado de alerta, a adrenalina aumenta ajudando na produtividade e na criatividade, mas se essa condição for mantida por muito tempo, a pessoa pode se tornar vítima de tensão demasiada, que é prejudicial à saúde.

Os empregadores devem ficar sempre atentos aos fatores que levam os trabalhadores ao estresse nos ambientes laborais, evitando com isso, o aumento das doenças ocupacionais causadas por esse mal. É fundamental, para manter uma equipe produtiva e motivada, dedicando atenção às características específicas do estresse no trabalho, que podem originar os seguintes sintomas freqüentes: taquicardia, tensão muscular, boca seca, dores no estômago, mãos frias e suadas, sensação de cansaço e dificuldades de memorização.

Para controlá-lo e reduzir o estresse no trabalho, especialistas sugerem aos empresários: conservar o bom relacionamento no ambiente laboral, manter a calma em reuniões de trabalho, gerenciar o tempo de trabalho para cada atividade, realizar testes e exames periódicos nos funcionários, adaptar horários flexíveis e intervalos entre as atividades, realizar campanhas de combate ao estresse no trabalho, oferecer sala de relaxamento e convivência para os funcionários e manter uma atividade física de rotina (pilates!) e alimentação adequada.

A Recuperação dos Prematuros

10531196_1434361720121990_679539669_n

Os bebês prematuros, aqueles que nascem antes da 37° semana de gestação, devem ser tratados com muita cautela. Exigem atenção de uma equipe multi disciplinar para que seu tratamento e recuperação sejam bem sucedidos em todos os campos em que seu desenvolvimento foi afetado. Para isso a equipe deve ser formada não só por médicos, mas também por terapeutas ocupacionais, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, etc. A fisioterapia em bebês prematuros possui papel fundamental durante o tratamento, pois visa identificar falhas oriundas da prematuridade e incentivar a motricidade do bebe para que todas as funções motoras sejam desenvolvidas.

Como Melhorar a Prática do Pilates?

10507049_10152345512144024_5513568231861832310_o

Pensando no Pilates, escolha sempre uma roupa adequada, beba água antes, durante e após a atividade, concentre-se no movimento para que este seja executado de maneira correta e evitar lesões. Realizar os exercícios de forma harmoniosa, com a postura alinhada, com equilíbrio e concentração, os objetivos serão alcançados de forma mais eficaz e com certeza, o Pilates será muito mais prazeroso.

Pintura com o Movimento do Corpo

10387389_10152345512414024_5390762164807115073_n (1)

A artista Heather Hansen deixa que o seu corpo sujo pelo pigmento escuro crie linhas, que vão formando um desenho. A isto se chama de pintura cinética, que depende do movimento do autor e não dos pincéis ou de outras ferramentas.

Veja o passo a passo no vídeo, em stop-motion, de uma das obras da artista, para que entenda melhor como funciona. Hansen resume assim: “nesta série, eu procurei maneiras de baixar o meu movimento diretamente no papel, esvaziando os gestos de uma forma para a outra e criando algo novo no processo”.

 

Sedentarismo na Infância e na Adolescência

39ddt0155rf

O sedentarismo, muito comum em adultos, tornou-se nos últimos anos um comportamento também encontrado em crianças e adolescentes. Como consequências do sedentarismo temos doenças crônicas como diabetes, hipertensão, obesidade, etc.

Parte influente deste comportamento se dá por hábitos gerados pelos avanços tecnológicos. A troca de lazer ao ar livre ou atividades sociais, por horas navegando na internet ou na disputa de jogos virtuais, contribui para este comportamento gerando comodidade e falta de interesse em atividades físicas.
Para quebrar a rotina destas crianças e jovens é preciso conscientizar as famílias e escolas, e implementar exercícios físicos e atividades para incentivar a busca por uma melhor qualidade de vida visando ter mais saúde.